quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

CELEBRANDO IV

Richard Wagner foi um génio da ópera. Baseando-se no imaginário popular e místico, assim como nas lendas e mitologias religiosas, dos povos germânicos ele criou deslumbrantes obras que dum modo ou outro se eternizaram na memória colectiva de diferentes povos. Quem não conhece os Coros Nupciais (ou Marcha Nupcial) da ópera Lohengrin?

Porque a vida também é feita de tranquilidade e momentos de recolhimento e elevação espiritual... Glorinha, esta é para fechar os olhos e voar bem alto! Os Proms também nos proporcionam momentos de uma leveza etérea e uma interioridade terna e suave.

4 comentários:

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

Celebremos! Celebremos muito ... Wagner está entre meus favoritos ... Tanhauser e Cavalgada das Valquírias são portentosas ...

bjão

São disse...

Sim, mas...demasiado teatral para meu gosto...

Um forte abraço, amigo meu

Serginho Tavares disse...

Glorinha voou tão alto que quase não a via mais. Daí, voei junto com ela.

Beijos amor

Serginho Tavares disse...

ps: já nos imaginei casando, ok, sei que somos casados mas falo da cerimônia... ai, ai