sexta-feira, 4 de novembro de 2011

AGONIA FATAL


A lenta agonia da Democracia. O estertor da sua morte na própria pátria que a viu nascer.


Nunca entendi este modelo político como uma verdadeira democracia. Os sinais da sua fraude eram por demais evidentes, moldada aos interesses dos grandes proprietários da finança mundial que a manipulavam a seu bel-prazer.

A pressão dos governantes da França e da Alemanha sobre o primeiro-ministro grego para que ele desistisse do referendo popular sobre o pacote de ajuda internacional, que acabou por abdicar da ideia, é a prova mais evidente do nojo a que chegou a política mundial e a supremacia da economia sobre o indivíduo humano.

O ser humano já não conta mais! O que prevalece acima de todos os valores são os interesses supra-sagrados da ganância capitalista!

4 comentários:

São disse...

Escolheste bem, mas acho que nem que juntássemos todas as músicas funéreas existentes ...
Beijinhos saudosos, Amigo.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Os sinais de extertor já eram visíveis há tempos, mas as p+ax andavam distraídas com os prazer consumista e agora talvez seja um pouco tarde...

Mari disse...

Não me surpreende... E o "homem doente da Europa" que morra...

Paulo Braccini - Bratz disse...

tenso este vídeo mas real e maravilhoso ...

obrigado querido pelo carinho, consideração e apoio ...

bjão