domingo, 17 de julho de 2011

A UTILIDADE DO SOM: CHILD

Já falámos aqui dos Elis. Voltamos hoje a eles para divulgar uma das minhas músicas favoritas deles; não tanto pela melodia em si mas principalmente pela mensagem que transmite.
Lembro que uma grande quota dos aficionados do Metal se situa numa faixa etária mais jovem, muitos adolescentes mesmo, pelo que é uma boa oportunidade de os despertar para situações e valores da vida e condição humana. Muitas das bandas de Metal se preocupam com as mensagens que transmitem e a utilidade das mesmas.

Convido-vos a escutarem "Child" e seguirem a letra:

Uma criança que nasce

Do ventre da mãe

Que não a quer.

Aconteceu numa noite

De embriagada paixão

E sem pensar nas consequências

Dois corpos se estreitando

Embriagada solidão

Dois corpos juntos agarram

Cega paixão

Dois corpos se estreitando

Então ele começa a crescer

Este pequeno bebé

Esta indesejada vida.

Não sabeis que ela terá de provar,

Durante toda a sua vida,

Que tem o direito de existir?

Dois corpos se estreitando

Insano calor

Dois corpos se estreitando

Cruel luxúria

Dois corpos se estreitando


4 comentários:

Serginho Tavares disse...

O mais interessante no metal é que as letras de um modo geral são sempre profundas!

Beijos, meu amor

Mari disse...

Bem legal seu post!

Fazem bem os que se atentam ao significado das boas mensagens, seja na música, literatura, cinema, enfim...

Oremos por essa juventude!

Paulo Braccini - Bratz disse...

enfim! uma delicinha ...

Beth/Lilás disse...

Bem legal este som, lembro-me quando você falou em outro post deste Elis.
E, realmente, nunca poderia imaginar que por trás da música pesada do Metal pudesse ter letras tão significativas. Gostei de conhecer.
bjs cariocas