sexta-feira, 1 de julho de 2011

APONTAMENTOS: DIVERSIDADE


Nota prévia: Esta rubrica de Apontamentos compõe-se de notas recolhidas em rascunho para posterior desenvolvimento e publicação. Mas à falta de tempo e disponibilidade... vai assim mesmo!

Diversidade é a palavra chave para o nosso mundo hoje.

A harmonia vem do equilíbrio na diversidade.

O grande risco da globalização está na uniformização. Uniformização de costumes que levam a um esgotamento de recursos. Assim a uniformização dos modelos energéticos levou à expansão dos monopólios imperialistas que dominam a nossa economia capitalista, subjugando todos a um mesmo poder e acelerando o esgotamento desses recursos, o que arrasta atrás de si violência e conflito na tentativa de procurar uma harmonia entre os dois lados do abismo urbano: os muito ricos e os muito pobres (que são muitos mais que os ricos).

Vivemos numa sociedade urbana. Construímos uma sociedade urbana. Uma sociedade voraz no consumo de recursos, mas incapaz de os repor. Isso precipita o seu (nosso) próprio colapso e fim.

Como sei que gostam muito de ver os bonequinhos a mexer enquanto a música toca, aqui fica um tema para o fim de semana. Podem utilizar o vídeo como banda sonora para lerem o texto e reflectirem sobre o que propõe. A música é "Dead Cities" dos Future Sound of London.

4 comentários:

Paulo Braccini - Bratz disse...

Caraca! que post mais irado ... adorei cara ...

Wanderley Elian Lima disse...

Texto e vídeo, perfeitos!
Bjux

Mari disse...

O ciclo do capital x ciclo da natureza. O primeiro depende do segundo, o segundo não necessariamente do primeiro...Pra mim a vida hj em dia parece tão arcaica qt a de milhares de anos antes. Esse tal mundo moderno é só uma máscara.

O vídeo me deixou super tonta, não consegui assistir nem 1 min...Mas a relação do vídeo com teu texto é ótima!

Serginho Tavares disse...

num mundo tão diverso é triste saber que o homem sempre busque a uniformização de tudo
afff

mais um super post meu amor
adorei

beijos