sábado, 8 de maio de 2010

O MONSTRO

Esta senhora chama-se Vera Lúcia Sant’Anna Gomes, tem 57 anos e é procuradora aposentada, com residência no bairro nobre de Ipanema, Rio de Janeiro, num apartamento avaliado em R$1,2 milhão (mais de 500 mil Euros). Tem ainda uma segunda habitação de férias na região de Búzios.

Esta senhora anda fugida à justiça.

Esta senhora é acusada de tortura e racismo.
Esta senhora maltratou uma menina de 2 anos que pretendia adoptar; a criança deu entrada no hospital com os dois olhos inchados e negros de pancada, além de outras escoriações pelo corpo, resultado de maus tratos anteriores e continuados. As acusações de racismo são devidas ao modo como tratava os seus empregados. Todas as acusações são corroboradas por várias testemunhas e registos sonoros das cenas de espancamento e injúria, assim como fotos do estado em que a criança ficou.


Esta senhora rejeitou todas as acusações, menos a de chamar a menina de “cachorra”; pois segundo ela era um apelido carinhoso por gostar muito de cachorros.

Esta senhora havia sido detida pela polícia para ser presente ao juiz, a pedido do Ministério Público, mas o tribunal decidiu que ela deveria ser libertada por não haver sido decretada ordem de detenção. Quando a polícia foi de novo procurar a acusada com ordem de detenção ela já havia fugido para parte incerta.

Esta senhora é um monstro e o vivo exemplo de como o aparelho judicial apenas serve para proteger os que o gerem: as elites do sistema (sejam elas oficiais ou ilegais).

3 comentários:

São disse...

E assim vai a justiça no mundo!!!

Espero-te no "são".

Bom fim de semana, lindo.

Serginho Tavares disse...

e ela é "procuradora" da justiça. imagine nas mãos de quem estamos!

amo te

Leandro disse...

Descreveu-a muito bem: "Monstro"