terça-feira, 18 de janeiro de 2011

CONVERSAR JUVENIL


Eu gostaria de falar contigo. Escutar a tua voz; o relato dos teus sonhos e ambições. Por muito imbecil que possa ser uma jovem mente, sempre terá algo a dizer; nem que seja parvo e soe oco. Mas tu não sabes falar. Expeles umas gírias, enrustidas numa risada idiota e nervosa, tudo encenado numa fanfarronice patética. Fico embaraçado de vergonha e retiro-me frustrado.

Até um bêbado tem algo a dizer. Mesmo que não passe de relatos parvos de episódios de bêbados e bebedeiras, com violência e muita ignomínia à mistura.

Quem não tem anseios e aspirações não tem vida. Será, quanto muito, um arremedo humano ensaiando uma existência idiota.



3 comentários:

Serginho Tavares disse...

Quem não sonha, morre em vida. É triste demais isso.

Beijos meu amor. Lindo texto!

Beth/Lilás disse...

Amigo ManDrag!
Tenho observado muito isto em certos jovens hoje em dia, tanta ignorância, um vazio imenso, falam através de signos não entendíveis, usam palavrões na maioria das frases e em alto e bom som.
O que estará acontecendo a estas criaturas? Eu mesma tenho diante disso o que chamam por aqui 'vergonha alheia', mas parece-me que isso é normal para muitas outras pessoas, aceitam bem, engolem este BBB diário tanto na TV quanto na vida real.
Tô cheia de tanta ignorância!
abs carioca

Paulo Braccini disse...

a vida exige um comprometimento pleno para q ela ganhe algum sentido ...

bjux

;-)