quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

E A SOLIDARIEDADE?


Derrocadas, inundações e um rasto de destruição além de 271 mortos, são as consequências do temporal que assolou ontem, pela madrugada, as regiões de Teresópolis, Nova Friburgo e Petrópolis no Estado de Rio de Janeiro.
À tarde, na capital do mesmo Estado, 20 mil adeptos do Flamengo e Ronaldinho Gaúcho festejavam euforicamente o contracto deste com o clube rubro-negro, com direito a carnaval e muita confusão.
Sinceramente não entendo este espírito de "festa-é-festa nem que nos caia o céu em cima". O que conta é encarar tudo com alegria. Nem que seja uma alegria tola e patética.



8 comentários:

Serginho Tavares disse...

E o povo quer saber de nada alem de carnaval e futebol? Triste destino de uma nação com um povo como este!

Mari disse...

É um contraste triste :(

Hürrem disse...

Amigo ManDrag,
Concordo 100% contigo...e tudo pao e circus..por isso e tao facil monopolizar as massas...para que esqueçam de tudo,principalmente dos politicos corrputos e votem nos mesmos no proximo pleito...esse e o Brasil...infelizmente.
Abraços

Lobo disse...

Não dá pra viver só de desgraça.

E também, o que podem fazer os civis que jazem fora da serrana? Quem pode fazer algo já está.

Um beijo Mandrag!

Paulo Braccini disse...

c'est la vie ... o bicho homem é assim ...

;-)

Glorinha L de Lion disse...

Nosso povo é assim...tem carnaval e futebol, então fica todo mundo feliz e o resto que se dane...ô povo! Dá tristeza ter nascido nesse país, abraços,

Beth/Lilás disse...

Infelizmente é assim e os meios de comunicação parecem não entender bem disso, pois muda de um assunto trágico para um alegre como se fosse tudo aquilo uma ficção.
Por isso não assisto televisão e evito a massificação. O que sei é somente por aquele meio que escolho e quero assistir naquele momento, depois desligo, senão o festival de barbaridades só cresce e toma conta de nossas almas.
De ontem pra hoje, já recebi vários telefonemas de pessoas apavoradas com as cenas que estão vendo na região serrana e pensam logo em mim.
Eu agradeço de coração à lembrança tão querida, mas digo a elas que não fiquem só se baseando no que a TV fica o tempo todo mastigando e jogando pro povo. Parece que só porque estão dando audiência, têm que aumentar o tamanho da tragédia.
Mas, reconheçamos que num dia onde um país contabiliza mais de 300 mortos, não é o melhor dia para se festejar a chegada de um reles jogador de futebol. Aff!
bjs cariocas

Diogo Didier disse...

É por essas e outras que eu ODEIO futebol e posso explicar por que:


http://serfelizeserlivre.blogspot.com/2010/07/futebol-e-o-opio-da-humanidade.html

bjoxxxxxxxxxxxxx