sábado, 15 de janeiro de 2011

MUNDO CAOS

Estou muito cansada. Da politica, da vida, do tempo, de tudo.” Este é um desabafo que li num comentário, num blog. Mas é também um lamento escutado a miúdo no nosso quotidiano, perante a enormidade das frustrações da nossa vida civilizada em pleno século XXI. Com tanto conhecimento científico (exactas e humanas). Com tanto poder tecnológico. Com tantos dogmas e religiões apregoando a paz e o amor; enfim, a justiça divina. Com tanta liberdade, tolerância, direitos humanos, consciência social.

Que mundo construímos nós? Como nos podemos iludir tanto e deixar amesquinhar e escravizar a tal ponto? Vivemos numa sociedade cruel, movida pela ganância e com o único objectivo de ter sucesso a todo o custo.

Sugiro a leitura de “Olha os Sinais!

3 comentários:

São disse...

Não, meu amigo, nós não construímos: nós emaranhámos tudo!

E os sinais cada vez vez mais aí estão cercando-nos. Mas as explicações - melhor, as teorias de encobrimento - contiunam a florescer, cada qual mais insensata que a anterior

Bom fim de semana

Paulo Braccini disse...

Vou ler ... mas já fiquei tenso ...

;-)

Serginho Tavares disse...

Não sei que mundo é este nem para onde vai dar, mas é como a São disse: não construímos, nós emaranhámos!

Triste destino para quem sobreviver, o que restará?