sábado, 18 de dezembro de 2010

FÉ E PANETTONE

Nada santifiques, tudo é sagrado.

No fim tinha os dedos lambuzados de chocolate e, quebrando todas as regras de etiqueta, lambi-os. Afinal em casa da minha amiga Laurita (a quem dedico este post com um grande abraço de amizade) sinto-me como em família. Além disso eu gosto de transgredir certas pequenas regras, que por vezes parecem mais de puro snobismo que de etiqueta.

Fazia dias que eu tinha assistido na TV uma campanha publicitária dum delicioso panettone de chocolate. Eu, que gosto de panettone, fiquei lambendo-me e babando-me de gulodice. Mas, como o dinheiro é MUITO escasso por estas bandas, fiquei confiante que ainda haveria de provar tal iguaria. E nem foi preciso esperar muito.

Ontem a minha amiga Laurita convidou-me para ir almoçar em casa dela, pois a ementa era de peixe e ela sabe o quanto eu adoro comer peixe. Só posso dizer que estava uma delícia e, tal como já disse antes me sinto em casa por lá, servi-me três vezes. Ah! Divinal! E depois do repasto, fui questionado sobre se quereria panettone de sobremesa. Mas como recusar?!!!

Deslumbre meu quando me apresentaram uma deliciosamente tentadora fatia de panettone de chocolate.

É simples, eu sempre digo: o que nos for devido irá cruzar-se no nosso caminho, mais cedo ou mais tarde.

6 comentários:

Glorinha L de Lion disse...

Sabedoria pura amigo Man Drag! O que tiver que ser nosso, ninguém tasca...(sabedoria carioca!)
Bem Hajas!

Serginho Tavares disse...

Ou tem aquela: o que é do homem o bicho não come!
Ou come se o homem não comer antes!
Huahuahuahuahua

Beijos amor

Beth/Lilás disse...

Humm, adoro panetone também!
E já provastes aquele que tem trufa dentro?
Divinal, como dizes!
Bem Hajas!

lolipop disse...

Hummm, acho que esse de chocolate ainda não chegou a Portugal...que pena!
Hoje venho aqui pedir-lhe uma coisa...sei que é inusitado, mas não é para mim. Publiquei um texto duma amiga, com uma história de vida penosa e corajosa...é muito importante para ela ter lá no blogue dela uma palavra e fotos de seguidores...não custa nada...é Natal...posso contar contigo?
TERNURAS
Bem hajas!

Paulo Braccini disse...

esta sua simplicidade para nos brindar com tamanha sabedoria me cativa ... adorei este seu relato ... me identifiquei por inteiro nele ... adoro peixe, adoro panetone de chocolate, adoro certas transgressões ...

gosto tanto de transgressões q me permitirei uma aqui e agora ... já q o que nos é devido irá cruzar o nosso caminho, estou a esperar que o belo mancebo da ilustração, tal e qual ali está a deliciar minha imaginação e a minha libido, caia do céu no aconchego de minha cama para q eu possa desfrutá-lo por inteiro, sem nenhum pudor ...

bjão querido

;-)

Lobo disse...

Eu acho chocotone uma heresia! Panetone tem que ser de frutas cristalizadas. Fim. Ahauahauahau

Mas tem certas coisas, que se você não lambe os dedos, é quase como jogar fora hahaha. Nunca entendi certas regras de etiqueta também, mas enfim...

Um beijo Mandrag!